Como Você Sabe se UMA DROGA EFETIVAMENTE FUNCIONA?

0
71

Da revista Scientific American: a eficácia de um tratamento médico específico é muitas vezes altamente subjetiva e depende da definição de cada indivíduo do termo ‘eficaz’. Muitas drogas e medicamentos estão na área cinzenta entre efetivo, benéfico e inofensivo.

“Esses meios terapêuticos e seus ‘tratamentos’ – mais do que duvidosos – florescem na região desfocada, entre o que é efetivo, benéfico e inofensivo. Apesar de toda a vasta e disponível evidência de que a homeopatia não é mais eficaz do que um placebo, por exemplo, as pessoas que acreditam terem se beneficiado continuam a exaltar seu uso, e o mercado de medicamentos alternativos é avaliado em US $ 34 bilhões. Ironicamente, “Big Pharma” deu origem a “Big Alternativa” – dois lados da mesma moeda sem sentido.

Há, é claro, tratamentos produzidos através dos supostos meios mais rigorosos, os quais também muitas vezes não fazem muito de fato. Muitos medicamentos contra a tosse sem receita, por exemplo, não contêm nenhum ingrediente ativo, e os médicos têm dito aos pacientes que não desperdicem seu dinheiro por anos. Muitas pessoas vão reivindicar, no entanto, que tais meios foram de algum benefício depois de usá-los. A chave aqui é que há ainda outra distinção a ser feita entre os tratamentos que consideramos ‘efetivos’ e os meramente ‘benéficos’.

Artigo→­

EffectivenessDrugs-e1501517765964

Deixe uma resposta