Dr. David Healy: procurando uma cura para a Disfunção Sexual Prolongada, relacionada com medicação

0
74

James MooreEsta semana, entrevistamos o Dr. David Healy. O Dr. Healy é psiquiatra, psicofarmacologista, cientista e autor internacionalmente respeitado. Professor de psiquiatria no País de Gales, David estudou medicina em Dublin e na Universidade de Cambridge. Ele é ex-secretário da Associação Britânica de Psicofarmacologia e autor de mais de 200 artigos revisados por pares e de 20 livros, incluindo The Antidepressant Era, The Creation of Psychopharmacology, seu último livro é Pharmageddon, publicado em 2012.

David é fundador e CEO da Data Based Medicine Limited, que opera através do seu site RxISK.org, e se dedica a tornar os medicamentos mais seguros, através de relatórios diretos, feitos por pacientes, sobre os efeitos colaterais da droga em suas vidas.

Nesta entrevista, discutimos a Disfunção Sexual Pós SSRI (PSSD) e a abordagem nova e inovadora do Dr. Healy: encontrar uma cura para esse problema, com fortes repercussões na qualidade de vida de usuários de antidepressivos e em suas relações afetivo-amorosas.

Dois recentes e-mails para o Dr. Healy destacam o problema:

“Tomei X por 16 anos sem efeitos colaterais. Parei há 7 meses e todo o inferno veio abaixo. Alguns dos efeitos colaterais que recebi na primeira semana depois de parar foram: perda de libido, testículos / pênis frios, dor em torno do pénis e do ânus, zumbido, disfunção erétil, formigamento, dormência (…) A vida não é muito boa nos dias de hoje.”

“Eu fui casada . Tenho crianças bonitas. perderam seu pai. Se posso fazer qualquer coisa para ajudar, não hesite em contatar-me. Gostaria de dar-lhe o meu maior agradecimento pelo que está a fazer, e desejo-lhe o melhor de tudo com campanha de angariação de fundos.”

No episódio, discutimos:

  • Como o Dr. Healy criou o banco de dados sobre os remédios psiquiátricos e o site RxISK.org.
  • Por que o RxISK está focado no momento na Disfunção Sexual Pós SSRI (PSSD).
  • Esse entorpecimento genital pode ocorrer muito rapidamente ao se passar a tomar um antidepressivo SSRI, e também pode ser desencadeado por drogas como Roaccutane (isotretinoína) e Propecia (finasterida).
  • O que levou à criação do Prêmio RxISK.
  • Como as pessoas podem se envolver com a campanha lançada.
  • O fato que muitas vezes as pessoas que não estão envolvidas com cuidados de saúde passam a se sentir motivadas a agir pela causa quando conhecem o problema.

Capacitar as pessoas é permitir que aquelas prejudicadas por pílulas passem a fazer parte da solução.

Deixe uma resposta